Home / Notícias / Covid-19: Por falta de equipamentos, Prefeitura abre apenas 2 novos leitos de UTI

 


uti
Taxa de Ocupação atual de internados na UTI Covid-19 na rede pública é de 93%.

Com o agravamento da pandemia do coronavírus em todo o País, a Prefeitura de São Caetano do Sul reabriu o Hospital de Campanha na noite de sábado (20/3).

A estrutura, montada no Hospital São Caetano, no Bairro Santo Antônio, já está em funcionamento com 48 leitos de Enfermaria e dois de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Outros 28, de UTI, serão abertos em breve, mediante a chegada de equipamentos e materiais que estão em falta no mercado – como bombas de infusão e respiradores.

*MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O CORONAVÍRUS EM SÃO CAETANO: CLIQUE AQUI!

O Hospital de Campanha garante o isolamento necessário dos pacientes infectados pelo coronavírus, configurando-se em uma estratégia fundamental para a contenção da disseminação do vírus e para o atendimento mais adequado às pessoas com covid-19.

A Enfermaria está operando no 4º andar do Hospital São Caetano, enquanto que o 3º andar está reservado para a UTI.

A unidade não tem atendimento porta aberta. Recebe somente pacientes transferidos do sistema de Urgência e Emergência (Hospital Municipal de Emergências Albert Sabin e UPA) e do Complexo Hospitalar de Clínicas (formado pelos hospitais Maria Braido, Márcia Braido e Euryclides de Jesus Zerbini).

Ao ser transferido, o paciente é encaminhado ao leito por corredor e elevador de uso exclusivo para pessoas com covid-19. Cerca de 100 profissionais foram contratados para o Hospital de Campanha (médicos, enfermeiros, outros profissionais de saúde, recepcionistas, porteiros, seguranças e auxiliares de limpeza, entre outros). Todos capacitados a atuar nesta situação extraordinária.

Os pacientes internados no Hospital de Campanha não podem receber visitas, uma estratégia necessária para o controle da pandemia. No entanto, os familiares têm acesso a todas as informações sobre a evolução do quadro clínico por meio da equipe de acolhimento, que trabalha 24 horas.

O investimento inicial na reabertura do Hospital de Campanha é de R$ 300 mil. Estima-se que mais R$ 2 milhões serão investidos nos serviços especializados, para locação do parque de equipamentos, e nos serviços técnicos laboratoriais e de diagnósticos.

Aberto pela primeira vez em 17 de abril de 2020, o Hospital de Campanha de São Caetano recebeu 193 pacientes (dos quais 190 se recuperaram) até 26 de agosto. A interrupção do atendimento considerou a diminuição dos casos de covid-19 na cidade na época e a baixa taxa de ocupação, que não ultrapassou 5% nos últimos dez dias de operação.


- Fonte e foto: PMSCS


*COMPARTILHE: