Home / Notícias / Festa Entoada Nordestina divulga Shows e Atrações

 


festa entoada nordestina
Nos dias 25 e 26 de novembro, das 11h às 22h, São Caetano do Sul será tomada pela artes e gastronomia da cultura tradicional nordestina.

O Espaço de Lazer e Recreação José Agostinho Leal (Av. Tietê, 81 – em frente à EMEF Leandro Klein), no Bairro Nova Gerty, abrigará a programação da Entoada Nordestina, realizada pela Secretaria Municipal de Cultura e que já divulga suas principais atrações.

O palco da festa será montado na rua e receberá Peixe Elétrico, Circuladô de Fulô, Orquestra Sanfônica, Maracatu Bloco de Pedra e o Trio Virgulino, entre outros.

festa-nordestina-scs

Na foto: Banda Circuladô de Fulô, Tri0 Vurgulino e banda Peixe Elétrico.

Já, dentro do parque, ficarão as barracas de comidas típicas do Nordeste. Aliás, é neste local em que se encontra a imagem de Padre Cícero, ícone religioso nordestino.

A programação artística do evento ainda contará com a Banda Trio Nordestino, o teatro de rua Encontros Encantados, o forró pé de serra de Luiz Wilson, os repentistas Edival Pereira e Fenelon Dantas, a embolada de Peneira e Sonhador, e outras várias atrações durante o dia, como a Mostra de Forró de Botecos.

Haverá ainda homenagem a nordestinos ilustres da cidade. Todas as atividades são abertas ao público, com classificação etária livre e entrada franca.

Para o secretário de Cultura, João Manoel da Costa Neto, é uma alegria poder realizar mais uma edição desta importante festa para a cidade, resgatando o modelo de concepção da Entoada Nordestina. “Queremos propiciar a toda a população de São Caetano do Sul, em especial aos nordestinos e seus descendentes, uma programação de resgate e lembranças da cultura tradicional nordestina”, afirma.

A FESTA
A Entoada Nordestina foi criada por meio do decreto n º 9.954 de 22 de outubro de 2009, em comemoração ao Dia do Nordestino, 8 de outubro. A data foi instituída em homenagem ao centenário do nascimento de Antônio Gonçalves da Silva, mais conhecido como Patativa do Assaré, poeta popular, compositor e cantor cearense.

A data também homenageia o célebre Catulo da Paixão Cearense, maranhense de São Luís, autor da famosa música “Luar do Sertão”.

A festa resgata a importância da cultura tradicional do Nordeste brasileiro com suas diversas manifestações artísticas e gastronômicas. Trata-se de uma celebração de costumes, que visa fomentar o reavivamento da identidade, ação e memória por meio da cultura de raiz e homenagear a comunidade nordestina são-caetanense.

Segundo estimativas, São Caetano do Sul conta com, aproximadamente, 40% de sua população formada por nordestinos ou seus descendentes.


- Fonte e texto: PMSCS
- Foto Divulgação: Facebook das Bandas Circuladô de Fulô (Ricardo Galvão Fontes), Trio Virgulino e Peixe Elétrico


COMPARTILHE: